Pesquisa do Instituto Reclame AQUI revela que maioria busca economizar com seus bichinhos e lojas virtuais não têm muita aderência.

Eles são parceiros inseparáveis e considerados membros da família por muita gente. Não é por acaso que os animais de estimação alavancaram todo um setor de consumo voltado para quem cuidar bem dos seus bichinhos. Mas o que os donos de pets compram? Com que frequência?

O Instituto Reclame AQUI tentou entender esse comportamento fazendo uma pesquisa com 20.203 visitantes do site do Reclame AQUI, durante os dias 27 e 29 de setembro de 2021.

Para começar, o levantamento descobriu que os pets, na verdade, não são bem uma unanimidade. O número de respondentes com animais de estimação ficou quase igualmente dividido: 53,7% possuem, enquanto 46,3% não possuem. Entre estes que não têm bichos em casa, 42,3% já tiveram, mas estão sem nenhum no momento. 

Veja também: Pesquisa Reclame AQUI: streaming é um sucesso, mas maioria ainda não assina

Parte desses consumidores podem ter optado por não substituir os animais de estimação justamente por conta dos gastos, pois 22,3% disseram que não possuem pets porque geram muitas despesas. Ainda assim, a maioria está confiante na decisão de continuar sem animais de estimação: 69,9% não pretendem ter em momento algum. 

Donos de pets VS. potenciais donos: entenda a pesquisa

No entanto, esses números mostram que mesmo quem não tem um bichinho pode ser um potencial consumidor de artigos para pets, afinal, 30,1% ainda pretendem ter algum animal de estimação, sendo que a grande maioria deseja um cachorro (55,3%) ou um gato (19,9%). 

Quem já possui pets também tem preferências muito parecidas em relação àqueles que ainda desejam adquirir um bichinho: 58,8% dos donos de animais de estimação têm cachorros e 26,1% possuem gatos. Boa parte desses consumidores tem um (43,8%) ou dois (23,5%) pets em casa. 

Reclame AQUI não é só reclamação: Veja dados de pesquisa de compra

Outro dado aponta mais um comportamento em comum entre aqueles que já têm pets e quem ainda deseja ter, como avalia Felipe Paniago, CMO do Reclame AQUI: “Dá pra ver que o consumidor é bastante consciente sobre a questão da adoção e a prática já é bem incorporada ao momento de adquirir um animal de estimação. Tanto que a pesquisa mostra como 75,1% pretendem adotar, entre aqueles que ainda têm interesse de ter um bichinho, enquanto que as pessoas que já possuem pets, 71,5% optaram pela adoção. São valores muito próximos e que indicam como as pessoas já entendem que esse é o melhor caminho.”

infográfico com dados da pesquisa Reclame AQUI que mostra como compram os donos de pet
Pesquisa Reclame AQUI mostra o comportamento do consumidor dono de pet.

Mas como compram os donos de pets?

Em relação ao consumo, é possível perceber que os hábitos de compra ainda não se digitalizaram muito nesse setor. Felipe Paniago explica: “É curioso que, mesmo com a variedade de modelos de negócios, o dono de pet ainda parece ter um comportamento mais tradicional. A grande maioria, 57,6%, continua preferindo comprar em pet shops de bairro, estabelecimentos próximos às suas casas, e há ainda uma pouca representatividade do varejo online.”

Segundo a pesquisa, apenas 6,1% adquirem ração em lojas virtuais de grandes varejistas e somente 3,1% fazem assinaturas mensais para repor a comida de seus animais de estimação. Já 33,2% preferem comprar nas maiores redes varejistas do setor, como Petz e Cobasi, por exemplo.

O levantamento também mostrou que os donos de pets não são tão gastadores como se pode imaginar. Boa parte das pessoas parece se controlar na hora de comprar certos itens e serviços para seus bichinhos.

Para Felipe Paniago, “por mais que a gente idealize esses consumidores como pessoas que gostam de paparicar seus animais, dando do bom e do melhor, a tendência geral é de economia nas compras: 67,7% gastam até R$ 200 por mês com alimentação; 52,1% também despendem esse mesmo valor com higiene, sendo que 34,5% não gastam nada com isso; e 44,8% apenas compram brinquedos para repor usados.”

Ainda em relação aos custos com higiene, a preferência por não despender muito dinheiro com esses hábitos se reforça. Entre aqueles que gastam com procedimentos de beleza, a grande maioria ainda prefere fazer em casa: 51,3%. Já 23,8% decidem levar seus pets em clínicas veterinárias.

E sobre a compra de brinquedos e acessórios, mesmo que muitos só adquiram novos itens para fazer reposição, ainda há 15,7% que compram apenas 1 vez por mês. Desses consumidores, 81,1% gastam até R$ 100 no ano com brinquedos e acessórios.

infográfico com dados da pesquisa Reclame AQUI que mostra como compram os donos de pet
Pesquisa Reclame AQUI mostra o comportamento do consumidor dono de pet.

Fique por dentro: Entenda a jornada do consumidor no Reclame AQUI e oportunidades para sua marca

Deixe uma resposta