Blog Reclame AQUI

blog reclame aqui
Atendimento

Itapemirim Transportes Aéreos: operação suspensa faz média de reclamações/dia subir 

Com voos cancelados desde a sexta-feira (17/12) por suspensão das operações, empresa registra alta na média de reclamações

Os consumidores que tinham viagens marcadas com a Itapemirim Transportes Aéreos para viajar neste fim de ano terminaram a sexta-feira (17/12) com uma surpresa desagradável: a empresa anunciou a suspensão temporária das operações. Durante o fim de semana, pouca coisa mudou, e os consumidores iniciaram esta segunda-feira (20/12) com indefinições para solucionar o problema e, claro, muitas reclamações. Com o problema, a média diária de reclamações da companhia aérea subiu e chegou a uma variação de 137,5%.

De 1º a 16 de dezembro, a média de reclamações gerais diárias da Itapemirim Transportes Aéreos no Reclame AQUI era de 64. Conforme levantamento do Instituto Reclame AQUI, nos dias 17, 18 e 19, essa mesma média subiu para 152 reclamações nestes 3 dias, quando o problema veio à tona. Uma variação de média diária de 137,5%.

Leia essa: Selo RA1000: 20 empresas conquistam a reputação máxima em novembro

Média diária de reclamações cresceu 137,5% para a Itapemirim Transportes Aéreos

Reclamações e pedidos de explicações para a empresa

No site do Reclame AQUI, os consumidores reclamam do cancelamento das viagens, da reacomodação de passageiros, pedem reembolso do investimento em passagem e também lamentam a falta de uma resposta da empresa, como este consumidor de São Paulo, que afirmou ainda ter que arcar com o prejuízo no hotel reservado.

“Em 12/11/21 adquiri as passagens aereas de ida e volta para o trajeto entre os aeroportos de Guarulhos e Porto Seguro nos dias 28/12/21 e 02/01/22, entretanto em 17/12/2021, isto é, 11 dias antes do embarque a ITA suspendeu todos os seus voos por prazo indeterminado. No mesmo dia e nos que se sucederam tentei contato tanto via chat, email e telefone, em nenhum meio a empresa possui mais atendimento. Não é possível comparecer a aeroporto pois a empresa não tem mais operação em aeroportos”.

Este consumidor de Anápolis (GO), comprou 6 passagens aéreas aguarda retorno da empresa: “ Comprei 6 passagens aéreas Brasília-Salvador ida e volta, com ida prevista em 10/01/2022, porém, a empresa suspendeu todas as suas operações a partir de 17/12/2021, de forma abrupta e unilateral (tendo sua licença suspensa pela Anac), causando-me sérios danos materiais e morais.Solicitei, por e-mail, o reembolso imediato e integral das parcelas já pagas, via cartão de crédito, e o bloqueio de novos lançamentos na minha fatura do cartão, mas a Itapemirim não respondeu minha solicitação.”

Confirma o volume de reclamações mês a mês da cia aérea

Em seu site, Itapemirim faz comunicado oficial

Em nota em seu site, a Itapemirim Transportes Aéreos informa que está dando assistência aos passageiros e pede que entrem em contato com a empresa para “a reacomodação de seus destinos de origem”. E coloca um e-mail, site e um telefone à disposição dos consumidores para a solicitação de reembolso.

Itapemirim Transportes Aéreos divulga canais de comunicação em seu site para consumidores

O que diz a Anac

Ainda na sexta-feira, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) afirmou que foi informada no fim da tarde, pela empresa aérea, que a suspensão temporária das operações no Brasil ocorria devido a uma restruturação interna. Em seu site, a Anac informa que intimou a Itapemirim Transportes Aéreos (ITA) “a cumprir medidas para assistência aos passageiros que adquiriram bilhetes aéreos da companhia e a prestar à Agência informações atualizadas sobre as ações previstas para honrar os bilhetes vendidos e reacomodação dos seus clientes.”

A ANAC recomenda, ainda, que os passageiros com voos previstos, a partir de sábado (18/12), não compareçam aos aeroportos antes de contatar a empresa aérea. 

Atualização de matéria às 13h40min de 21/12: Na tarde desta terça-feira (21/12), a Anac informou  que “após a suspensão das operações pela empresa, na última sexta-feira (17/12), a Agência determinou ainda o restabelecimento dos canais de atendimento (telefônico, eletrônico e presencial), bem como o envio de dados sobre o quantitativo de passageiros afetados e voos programados e o plano de ações da empresa para o adequado tratamento aos passageiros.”

E que entre sexta-feira (17/12) e domingo (19/12), cerca de 430 passageiros da Itapemirim Transportes Aéreos foram reacomodados em voos de outras empresas. A Anac afirmou que cerca de sete mil passageiros também estão em processo de reembolso.

Deixe uma resposta