Cuidado, criminosos estão aplicando golpe usando o Reclame AQUI como fachada! Infelizmente, mais uma vez, golpistas se aproveitam da credibilidade do Reclame AQUI para tentar enganar consumidores. Agora, os criminosos abordaram a vítima pelo WhatsApp, usando o número (16) 99060-5664

Tudo começou quando a consumidora fez uma reclamação no site sobre uma empresa. Algum tempo depois, recebeu uma mensagem em seu WhatsApp, com alguém se passando pelo Reclame AQUI, dizendo que ia ajudar a resolver o problema. Como a vítima possuía uma pendência financeira com a empresa sobre a qual havia reclamado, o golpista disse que ele poderia enviar o boleto para pagamento em nome daaquela empresa, alegando que o sistema do Reclame AQUI é interligado ao das companhias cadastradas no site. 

VOTE!! A votação no prêmio Reclame AQUI começou. Sua empresa está pronta?

Por sorte, a consumidora percebeu o golpe, mas o criminoso ainda assim fez ameaças a ela. 

Confira abaixo a abordagem:

Reclame AQUI não faz abordagem por WhatsApp

O Reclame AQUI protege todos os dados dos usuários cadastrados e usa tecnologias que previnem vazamentos. No entanto, o consumidor precisa tomar alguns cuidados para evitar que suas informações pessoais sejam apropriadas por terceiros. Além disso, é preciso ficar atento a abordagens em meios digitais. Confira:

  • O Reclame AQUI possui apenas um número de WhatsApp: (11) 97062-2753. No entanto, nunca enviamos mensagens para nenhum usuário do site. Apenas o consumidor pode usar este número para iniciar uma reclamação.
  • Ao fazer uma reclamação, não coloque dados pessoais, como endereço, número de telefone, cartão de crédito, nome completo, CPF ou identidade. Golpistas podem se apropriar dessas informações.
  • Não é o Reclame AQUI que resolve os problemas dos consumidores. São as próprias empresas que receberam as reclamações que ficam responsáveis por responder ao usuário do site. 
  • Se for abordado por alguém alegando ser do Reclame AQUI,no WhatsApp ou por telefone, denuncie em nossos canais de atendimento.

Por isso, mantenha a atenção redobrada para evitar que suas informações parem nas mãos de bandidos.

Leia também: Como a B2W transformou o atendimento ao cliente no Reclame AQUI?

Deixe uma resposta