Recentemente, o Reclame AQUI aplicou uma pesquisa em seu site e ouviu  empreendedores e consumidores sobre o uso das máquinas de pagamento móvel e seus hábitos de consumo. Na parcela de consumidores, o resultado mostra que 55% usa mais cartão do que dinheiro e 93,8% consideram Boa ou Ótima, suas experiências com as “maquininhas”.

Além disso, a maioria dos consumidores, 81,2%, também afirmou não ter problemas ao usar os equipamentos, ou seja, tiveram uma boa experiência de uso. Nos próximos parágrafos, você vai conferir como o resultado da pesquisa, aplicada entre os dias 22 e 26 de agosto de 2019 vai ao encontro dos dados positivos de reputação e atendimento ao consumidor que constam no ranking publicado já aqui no blog.

“Maquininhas” inseridas no hábito dos consumidores

Na pesquisa, o Reclame AQUI coletou as respostas de 8,2 mil pessoas, entre empreendedores e consumidores; 84,4% de respostas de consumidores e 15,6% de participação de comerciantes.

Quando questionados sobre como costumam fazer seus pagamentos, 55% afirmaram usar mais cartão do que dinheiro, 25,8% responderam que usam dinheiro e cartão e 19,2% usam mais dinheiro. Esse recorte da pesquisa mostra como as “maquininhas” de cartão têm facilitado os pagamentos e sido aceitas na rotina dos consumidores.

Um outro exemplo disso é o uso, 43,8% dos consumidores passam mais cartão nas “maquininhas” em momentos que precisam de serviços (postos de combustíveis, lojas…) e fazer refeições. Apenas 17,7% optam para pagar contas.

56,7% dos empreendedores consideram Bom ou Ótimo o atendimento com credenciadoras

Entre os empreendedores que participaram da pesquisa, 74% deles responderam que trabalham com “maquininhas” em seus estabelecimentos, o que mostra a abrangência e a aceitação dos equipamentos. Destes comerciantes, 37% já têm experiência com esse tipo de ferramenta, usam a “maquininha” no período entre 1 e 5 anos.

Desse grupo que já usa o equipamento, 61,9% afirmaram ter apenas um equipamento no negócio. Já os que responderam ter mais de uma “maquininha” no seu negócio, 68,4% usam marcas diferentes, favorecendo-se das vantagens que cada credenciadora pode oferecer para o seu negócio. Este resultado também é o reflexo da disputa de mercado entre as marcas credenciadoras pelos mais diferentes perfis de empreendedores. 

Um outro dado, que reforça o ranking já publicado aqui no blog, é de que 56,7% dos empreendedores, quando tiveram problemas com as “maquininhas”, consideraram Bom ou Ótimo o atendimento com as credenciadoras, o que ratifica o alto índice de marcas com boa reputação e altos índices de solução de reclamações.

Índice de solução de reclamações dos consumidores é acima de 70%

Recentemente, publicamos por aqui no blog um ranking de marcas de “maquininhas” de cartão que melhor atendem o consumidor, além de comparativos de aumento de reclamações para o setor ao longo dos últimos 3 anos. O levantamento feito no site do Reclame AQUI apontou um aumento de 40,8% de 1º de janeiro a 31 de julho deste ano, em relação ao mesmo período de 2018.

Entretanto, o levantamento aponta que junto com as reclamações aumentou o índice de solução de problemas registrados pelos consumidores no site: o volume é acima de 70%.

Deixe uma resposta