O Reclame AQUI deu a largada para dois cursos da Universidade Reclame AQUI na modalidade ao vivo e online, uma forma de aumentar a interação entre os profissionais durante os cursos na pandemia, continuar compartilhando conhecimento e manter a segurança necessária para esse momento. Nesta quinta-feira (18/02), foi a vez do RA DAY,  e na próxima semana, dias 24 e 25/02, será o curso de SAC 5.0.

Para se inscrever nos cursos, clique aqui!

Quem participou da primeira turma do RA DAY ao vivo e online desta quinta-feira conheceu o novo Reclame AQUI. Logo no início da aula, o fundador do Reclame AQUI, Mauricio Vargas, mostrou a nova sede da empresa, que se adaptou às novas necessidades, mas sem perder a essência e o estilo Reclame AQUI.

E na sequência, iniciou a transmissão direto de lá! Os profissionais ficaram por dentro das novidades e dados de jornada de compra, do comportamento do consumidor dentro da plataforma do Reclame AQUI, produtos, cases de sucesso, as realidades de atendimento para empresas e consumidores e o que é exigido agora para uma experiência inesquecível. Claro, ainda tratou de reputação, de confiança e do processo de construção desses dois pontos essenciais para a relação empresa x consumidor.

Já viu essa? “O gato subiu no telhado”, o podcast de análises do Mauricio Vargas

Cursos tratam de como aproveitar os recursos da plataforma Reclame AQUI para atender bem

Nos módulos seguintes, Tiago Oliveira, Líder de Suporte do Reclame AQUI, explicou para os profissionais como Reclame AQUI funciona. Ele trouxe insights importantes sobre como trabalhar o atendimento no site do Reclame AQUI, além de boas práticas de atendimento em todas as plataformas e regras de funcionamento do site. Além de ter esclarecido uma série de dúvidas enviadas pelo chat ao vivo!

E para finalizar, a Aline Aureliano, Gestão de Conhecimento do Reclame AQUI, mergulhou no assunto moderação de conteúdo. Detalhou cada categoria e situação que o recurso pode ser usado dentro da plataforma do Reclame AQUI. Aline também deu boas dicas de como usar de forma eficiente e assertiva os pedidos de moderação pra melhorar os indicadores através do atendimento.

Deixe uma resposta